COOPERATIVA CENTRAL AURORA ALIMENTOS: é a maior exportadora do Sul do Brasil

A Cooperativa Central Aurora Alimentos conquistou o 8º lugar na categoria por faixa de valor acima de US$$ 100 milhões na 3ª edição do prêmio Sul For Export. Com esse resultado, se consolida como a maior exportadora do sul do País. A premiação é uma iniciativa do Instituto e Revista AMANHÂ, de Porto Alegre (RS), que elege as 1000 maiores exportadoras do Sul com base nos indicadores oficiais do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços.
Foto 01 – O gerente da unidade comercial da Aurora Alimentos de Nova Santa Rita, Mauri Jose Varotto, recebeu o prêmio em nome da cooperativa (Crédito: Revista Amanhã/Divulgação)

Todo ano, o Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços divulga um ranking com os maiores exportadores do País, separados em faixas de valores. O Instituto seleciona os mais representativos de cada setor.

A premiação foi entregue durante o 3º Fórum de Comércio Exterior do Sul, realizado este mês, na sede da Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul, em Porto Alegre. O evento reuniu líderes empresariais do Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina para discutir a competitividade das exportações nos três Estados do Sul.

Para o diretor de conteúdo do Instituto e Revista Amanhã Eugênio Esber, o Brasil tem um peso pequeno no comércio internacional em relação ao tamanho da sua economia e principalmente, ao grande potencial que possui e que ainda terá no agronegócio. “O desafio brasileiro é estabelecer com os mercados globais uma interação intensa e constante. E casos como o da Aurora Alimentos devem inspirar, servir como bússola para tantas outras companhias que ainda não atingiram maturidade das relações internacionais”, afirma.

O presidente da Aurora Alimentos Mário Lanznaster considera que o prêmio demonstra a expressiva presença da cooperativa no mercado externo e a qualidade dos produtos oferecidos. “Exportamos para mais de 60 países. Além disso, somos a primeira e única empresa brasileira a exportar carne suína para os Estados Unidos o que é motivo de imensa satisfação”.

Lanznaster destaca que as vendas externas em 2016 totalizaram um faturamento líquido de R$ 2,02 bilhões de reais, o que representou um aumento de 9,3% em relação ao ano anterior. O negócio aves respondeu por 62% (R$ 1,2 bilhão) e o negócio suíno com 37% (R$ 763 milhões), além de 0,54% de contribuição dos industrializados (R$ 12,7 milhões). Em volumes, a expansão foi de 13,3%, totalizando 329 mil toneladas.

SOBRE O GRUPO AMANHÃ

É um grupo de comunicação corporativa integrada, com foco na região Sul do Brasil. Fundado em 1986, apresentou suas primeiras experiências no mercado corporativo por meio da Revista AMANHÃ. Em mais de três décadas de história, conquistou mais de 40 prêmios de jornalismo.  Desde 2015, o Grupo Amanhã realiza o Fórum de Comércio Exterior Sul, com o objetivo de estimular as exportações. Durante o evento, são reconhecidas as empresas que se destacam no comércio internacional.

 

MB Comunicação