ESPECIALISTAS EM COOPERATIVISMO: Cooper A1 forma 4ª turma do Programa Mulheres Cooperativistas

ESPECIALISTAS EM COOPERATIVISMO: Cooper A1 forma 4ª turma do Programa Mulheres Cooperativistas

Na noite de quarta-feira, dia 24/10, a Cooper A1 viveu mais um momento de comemoração e de grande representatividade, a formatura da quarta turma do programa Mulheres Cooperativistas. Com a presença de familiares e representantes da Cooper A1, as 38 participantes receberam seus certificados de conclusão do curso modular.  A realização do evento ocorreu na Associação do Funcionários da Cooper A1, unidade de Iporã do Oeste.

Durante a solenidade, o segundo vice-presidente e gerente da atividade de cereais, Santo Tumelero, ressaltou a representatividade da formação destas mulheres: “a organização do quadro social passa, necessariamente, pela formação das mulheres, pois elas são a base da família e têm a capacidade de mobilizar e potencializar a participação dos associados na cooperativa”.

O coordenador da área social da Cooper A1, Lucinei Rodrigo Bohn, disse que estas representantes femininas confiaram na proposta oferecida pela Cooper A1 e Sescoop/SC, sua adesão foi excelente e todas tiveram uma grande evolução pessoal.

De acordo com ele, esta formação significa um ganho para a cooperativa e para cada uma das participantes. “No curso essas mulheres entendem a essência da cooperativa, e que fazem parte de algo muito grande. Isso é muito importante, pois, sendo o eixo da família e da comunidade, elas têm a capacidade e transmitem isso às pessoas ao seu redor, disseminando o cooperativismo”.

74 mulheres foram formadas em 2018

Em 2018, a Cooper A1 formou 74 mulheres do quadro social. Divididas em duas turmas, sendo uma turma da região de Iporã do Oeste, reunindo mulheres dos municípios de Iporã, Itapiranga, São João do Oeste, Tunápolis, Santa Helena, Belmonte e Descanso, e outra turma da região de Palmitos, com mulheres dos municípios de Palmitos, Caibi, Riqueza e Mondaí.

A primeira turma a concluir o curso neste ano, foi a de Palmitos, onde as 35 participantes receberam seus certificados na noite de 18 de setembro, no pavilhão evangélico de Mondaí. A solenidade contou com a presença de familiares, gerentes das filiais da Cooper A1 e do presidente da Cooper A1, Elio Casarin e sua esposa Zaida, que também já participou do programa no ano de 2016.

Programa Mulheres Cooperativistas

Destinado as cooperadas, esposas e filhas de cooperados da Cooper A1, o objetivo do programa é capacitar de forma consciente sobre o cooperativismo, preparar e organizar as participantes de forma comprometida e participativa perante o quadro social.

Integrar as mulheres cooperadas no cotidiano da cooperativa, apresentar a elas o cooperativismo, fomentar a importância do protagonismo feminino no meio, fortalecer a identidade da cooperativa entre as participantes e despertar o senso de liderança.

O método de formação é através da convivência em grupo e interação entre aluno e educador, durante o curso, as mulheres passam por seis módulos: Módulo I, Doutrina e Educação Cooperativista; Módulo II, Desenvolvimento Interpessoal e Relacionamento Familiar; Módulo III, Sociedades Cooperativas; Módulo IV, Protagonismo Feminino e Liderança Cooperativista; Módulo V, Empreendedorismo Cooperativo e Módulo VI, Organização do Quadro Social.