Liderança A1

Em 2015 a Cooper A1 iniciou um importante processo de revisão e criação de uma política de Organização do Quadro Social. Após várias reuniões e trabalhos internos, definiu a forma de organização e atribuições, e em 2016 faz o processo de implantação efetiva dos Comitês de Líderes.

Cada filial, possui um Comitê Local de Líderes, onde ele é uma órgão representativo com 1 associado para cada 50 associados. Os integrantes devem ser associados (com matrícula) segundo preza o os artigos 7º, 8º e 9º do Estatuto Social, ou seja, os indicados deverão preencher os requisitos de fidelidade a serem avaliados pela gerência da filial (verificando sua relação comercial e social com a cooperativa). Os Comitês de Líderes devem garantir a participação que represente os quatro segmentos (SUÍNOS, GRÃOS, LEITE e AVES).

Existe Também o COMITÊ CENTRAL DE LIDERANÇA, que é composto por:
a) Diretoria Executiva;
b) Conselho de Administração;
c) Conselho Fiscal;
d) Coordenador do Comitê Local de Líderes;
e) Coordenadora dos Núcleos Femininos (CEMA);
f) Coordenador (a) da Comissão Juvenil Cooperativista.

Os Comitês de Liderança Local e Central possuem um a agenda de atividades de reunião e formação, que acontecem em nível local ou regional, dependendo da atividade a ser desenvolvida. Estes Comitês existem para democratizar o as informações e ações, além de levar Educação Cooperativista aos associados e familiares, assegurando a efetiva participação de todos nos principais assuntos que envolvem a Cooper A1.